Etiqueta em Terceira Puxada

Quem São

quem sao

 

quem sao

 

Quem são “os donos” da Mensagem?

Lamentavelmente ainda encontramos ministros que dizem: “NA MINHA igreja eu prego assim”. “EU creio na Bíblia nesse ponto, no irmão Branham não”. Ora, saíram do “companheirismo” e o ranço do denominacionalismo não lhes deixaram. Pedro ensinou que a Escritura não está sujeita à interpretação particular. “Antes de tudo, sabei que nenhuma profecia da Escritura é de interpretação pessoal” (2ª Pedro 1:20).

Um pastor é o ancião maior na igreja onde Deus o colocou, logo, questiúnculas de argumento de autoridade, por ser isso ou aquilo, não cabe no plano de Deus. Irmão Branham dizia ser um homem de ensino equivalente ao sétimo grau. Ele não era muito educado no sentido de escolas, mas um homem educado por Deus. Falo com meu nome escrito e assinado abaixo.

Pastor João Pereira, um homem entregue à leitura da mensagem, capaz de nos perguntar algo sobre como se pronuncia, o que significa algo historicamente, possui algo que anda em falta em muitos lugares: Unção e direção para pregar.

Dei-me a pensar ontem, após conversar 10 minutos com ele. Onde estavam os grandes pregadores quando nos alvejam de críticas e vilipêndios em 2005? Lembro-me que em um encontro em São Paulo em julho de 2005, um estrangeiro que foi mal recepcionado pelo “plenário”, me chamou na última fileira onde sentava e tentava entender. Ele me perguntou: “What’s happening here brother?” Eu conversei um pouco com ele e lhe perguntei: “What’s your name brother ?”—Ele respondeu: Vin Dayal.

Apresentei-o ao pastor João e dentro do contexto, tentamos explicar para ele o tumulto de facções. Eu jamais estive na terra boa de Trinidad and Tobago, mas, entendo e compreendo o amigo Vin.

Aprendi com um ministro do Supremo Tribunal Federal que posso respeitar um autor e desconsiderar sua doutrina, não respeitar a doutrina, assim como posso respeitar a doutrina do autor não gostando do próprio. Ainda posso desconsiderar o autor e a doutrina, pois, ambos estão errados. Ora, estamos caminhando para um retrocesso? Teremos líderes hierárquicos dentro da TERCEIRA PUXADA? Não senhores, isso é impossível. Hierarquia é no Vaticano. “Ah, fulano fala sem saber”. Será?

Por favor, não há espaço para preciosismos dentro da atual estação. Chegamos ao ponto da Igreja de ATOS? Nem de perto. Quem atrapalha? Os líderes, afinal, são os que ficam na porta. Cada homem possui o direito de pregar o Evangelho nessa condição:

122 Nenhum homem tem o direito de pregar o Evangelho até que ele encontre a Deus no deserto na Sarça Ardente, não há nenhum sistema eclesiástico no mundo o qual possa explicar isto longe de você. Você estava lá; aquilo aconteceu para você! Não importa o que os sistemas dizem. Vocês são testemunhas disto! Aleluia! Sinto como aquele velho de cor do qual estava falando acerca – “Não encontrei oportunidade aqui em cima agora! ” Sinto muito religioso agora, quando penso que aquilo é certo – Deus revela a Si mesmo a você!

DORES DE PARTO
William M. Branham
24 de janeiro de 1965
Phoenix – Arizona – E.U.A.
Tradução – GO

Sejamos humildes e deixemos Deus nos usar. Já discutimos demais quem é o melhor ou o maior entre nós. Nenhum homem, sim JESUS CRISTO é o maior e ÚNICO.
Pr. Sérgio Ricardo de Freitas Cruz
falecom@avozdedeus.org.br

Opinião

 Ao pensarmos que faz 13 anos que recebemos de forma convicta a ABERTURA DA PALAVRA, me faz observar algumas coisas que me parecem básicas em um momento difícil.

      1-   Sabemos pelo profeta, que a TERCEIRA PUXADA não é um SISTEMA, por mais que me queiram dizer que alguém tem uma linha e outro outra visão, enfim, divergências, teríamos escapado da ratoeira e caído na boca do gato. Eu não me preocupo muito em dizer o que tecerei abaixo, pois não sou convivas de pastores, aliás, isso é perigoso.

    2-   A TERCEIRA PUXADA não tem dono. O Espírito Santo é o autor da Terceira Puxada. Nem um homem é líder sobre o outro em um sentido hierárquico, isso é denominacionalismo de péssimo gosto.

3-   Ser amigo da dúvida, leva a ter amigos desconfiados. Estive pensando: vivemos no virtualismo do dinheiro, até o dinheiro é virtual, inclusive, de forma não reconhecida legalmente, se criam moedas virtuais. Para ir no RAPTO, preocupação no dinheiro e como aumenta-lo e alguém que devo convencer que isso é verdade, dinheiro e dinheiro, não é salutar.

      4-   Dois perigos: Excesso de zelo e falta de prudência: na Grécia do século V antes de Cristo, havia um juiz chamado Filocleon. Esse tal, era completamente louco pela judicatura, não dormia, ficava na porta do Tribunal de Atenas, a esperar o nascer do sol para exercer o ofício. Quando seu filho o trazia para casa à noite, diga-se, à força, Filocleon, não dormia, passava a noite pensando nos casos, julgando processos e vendo a lista dos que deveriam ser apenados ou não. Seu filho fez de tudo para impedi-lo de tanta loucura por “julgar”. Cárcere privado. Deixou-o em casa sob custódia de guardas que eram facilmente enganados pelo juiz e pronto, lá estava Filocleon no Tribunal. Por último, totalmente impedido, manietado pelo próprio filho, ficou preso em casa. Quando seu filho chegou à noite, encontrou tudo quieto. Filocleon sentado à mesa e os muitos empregados, presos sob voz de prisão do juiz. Essa história me mostra que o zelo excessivo faz com que o pastor se transforme em super-homem, desposta e desejoso da sua legitimidade de prender, cobrar, ferir com palavras e muitas coisas. A imprudência é que, quem possui a LEGITIMIDADE de pastor, não deve fazer por si, antes fazer por DEUS.

    5-   Volto ao mundo virtual, filme virtual, celular virtual, moeda virtual. Milhares de irmãos, seguem a MENSAGEM DO PROFETA, alguns o lêem em MANDARIM, cabe colocar a mão na cabeça e pensar: Será que não influencio negativamente os que podem colher na fonte se estou certo ou errado? Não somos um clube, não somos uma associação e não estamos brincando de RAPTO DA ESPOSA DE CRISTO.  Eu nunca saí do Brasil, se o irmão Joseph Branham vier ao Brasil será maravilhoso, digo em tese, só que o que devemos fazer e proceder foi dito pelo Pai dele, verei pelo mundo virtual da INTERNET. Corremos o risco de fazer o mesmo que Filocleon: na legitimidade de juízes, exorbitarmos quanto à nossa força de julgar, ou seja, ferir companheiros, machucar irmãos, criar barreiras, cercas, trincheiras, barricadas, intrigas, emulações, discórdias e mentiras.

           6-   Em nome de Jesus Cristo, sejamos sóbrios. Há muita gente da década de 1970 com neurose, ansiedade crônica, rabugice, arrogância e falta de amor Cristão. Alguém me disse: “Com neurose ou não ela foi para o Céu”. Ele não tinha filhos ainda quando me disse isso. Eu sou um pastor associado a um ministério sofrido, cuja a igreja, dizem, fica dentro de uma favela, e toda sorte de coisas para desmerecer o pastor João Pereira. Não, Deus concedeu ao pastor uma equipe que já levou o EVANGELHO há mais de 10.000.000 (dez milhões de pessoas) em todo o mundo. Fizemos a primeira transmissão pela INTERNET em 2005 com Alta Qualidade. Penso que precisamos de um pouco mais de respeito.

Pr. Sérgio Ricardo 

falecom@avozdedeus.org.br

A Voz de Deus

 Eu fui para o Canyon, subi até onde as águias estavam voando por ali. Eu estava observando alguns veados lá de pé. Eu ajoelhei para orar e levantei minhas mãos, e uma Espada veio até minha mão. Eu olhei ao redor e pensei, “O que é isto? Eu não estou fora de mim. Aqui está essa Espada em minha mão, brilhando, reluzente, reluzindo com o sol”. Eu disse, “Agora, não há pessoas aqui neste Canyon à milhas de mim. 

 

 

132 – Eu fui para o Canyon, subi até onde as águias estavam voando por ali. Eu estava observando alguns veados lá de pé. Eu ajoelhei para orar e levantei minhas mãos, e uma Espada veio até minha mão. Eu olhei ao redor e pensei, “O que é isto? Eu não estou fora de mim. Aqui está essa Espada em minha mão, brilhando, reluzente, reluzindo com o sol”. Eu disse, “Agora, não há pessoas aqui neste Canyon à milhas de mim. De onde poderia ter vindo isto? “Ouvi uma Voz que disse, “Esta é a Espada do Rei”. Eu disse, “Um rei arma um cavaleiro com uma espada”.133 – Ele, a Voz, voltou e disse, “Não a espada de um rei, mas “A Espada do Rei”, a Palavra do Senhor”. Disse, “Não temais, é simplesmente a Terceira Puxada. É a vindicação do seu ministério”.

Qual a atração sobre a montanha? (25 de julho de 1965)

“Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando, porém, vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra? ”

Lucas 18:8

125 – Assim é também hoje, amigos. Assim é hoje, pois O Pão de Vida que os filhos comem, segue a Mensagem de Deus, para sustentá-los durante o tempo da seca. Que tal se ele estivesse aqui em nossa presença hoje? Que tal se Ele se fizesse presente agora mesmo? Ele atuaria e faria exatamente como Ele fez nos dias quando Ele esteve em carne aqui na terra. A Noiva é parte do Esposo, a Igreja é igual a Cristo. “As obras que eu faço também vós as fareis.” E foi a Palavra que o fez. Ele nos disse que as coisas que Ele fez, nós também as faríamos.126 – Notamos aqui outra vez, que se a Palavra está em nós e tem vindo a nós, como Ela foi a Elias naquele dia, Ela fará a mesma coisa que ele fez, ele alimentaria das Coisas secretas de Deus que estão escondidas do mundo. Oh! Outra vez, isto faz com que a Mensagem e o mensageiro sejam um. O Alimento Espiritual está pronto, e ele está maduro agora. Cada um de vocês pode ter este Alimento se O deseja, se você está disposto a se separar de toda a incredulidade desta hora, se você está pronto para entrar em Cristo, entrar em Sua promessa. E recorde Suas promessas, em Malaquias 4, Lucas 17:30, também em São João 14:12, e quantas Escrituras mais, dizendo, Joel 2:38, tudo que ele faria, ou melhor, 2:28, tudo que Ele faria nestes últimos dias. E como disse o profeta que haveria luz nestes últimos dias, como Isto operaria, e o que Isto faria, todas as Escrituras apontam para estes últimos dias. E Aquele é Cristo! Se você pode se esconder Naquilo agora, naquele Lugar secreto, pode comer e ver a bondade e a misericórdia de Deus. Se você está enfermo, ali há cura.

Alimento Espiritual em seu devido tempo (18 de julho de 1965)

avozdedeus02

69 – E hoje, nós temos a mesma coisa. Quando nós vemos Deus surgir em cena, e vai abençoar uma certa coisa, vamos manter todos os inimigos longe dele. Vamos usar nossas influências como jogadores de defesa, não corredores, jogadores de defesa que protegem o corredor, que o deixam levar a bola até o fim, porque não há oposição, tudo que se tem a fazer é simplesmente continuar correndo. E nós deveríamos ser jogadores de defesa.70 – Eu falo para o mundo inteiro, vocês sabem, para os Homens de Negócio do Evangelho Completo, em volta do mundo, organizando sedes locais. E há não muito tempo atrás quando, eu creio, foi em Kingston, Jamaica, quando tinham Castro e todos eles ali nesta reunião (ou tínhamos ido até o seu local, essa é a maneira que foi), e as pessoas célebres de todas as partes das ilhas estavam ali; e aqueles homens de negócios estavam tentando pregar o Evangelho. Ele está fora do seu lugar. Nós pregadores temos dificuldade o suficiente para manter isto em nível. E eles usam toda influenciazinha que possam encontrar, e toda tecnicazinha desta maneira e daquela maneira, e mantêm isso tão confuso que não se sabe o que fazer.71 – Muitas vezes numa – em uma igreja – uma pequena igreja pode estar tendo um reavivamento; alguém sai aqui e dirige um encontro de oração. E então, ele tem uma idéia diferente do que verdadeiramente a Bíblia diz, porém de qualquer modo ele crê desta maneira; e ele começa uma influência e afasta outros Disto. A coisa a se fazer é proteger esta Mensagem da maneira que Ela está indo permanecer exatamente com Ela, e derrubar tudo para longe Dela, se é que vamos cruzar a linha de gol.

A influência de um homem sobre os outro (13 de outubro de 1962)

falecom@avozdedeus.org.br

Interpretações da Terceira Puxada? (Deus é seu próprio intérprete)

Interpretações da

Terceira Puxada? (Deus é seu próprio intérprete)

“E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações.

Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação.

Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo”.

2 Pedro 1:19-21

A legitimidade para a interpretação das profecias está em Efésios 4:11 culminando com Apocalipse 10:7, fixamos que o precursor do ministério do Filho do Homem, William Banham, nos conduziu diretamente para a Bíblia aberta e revelada. Podemos compreender os sinais, manifestações e toda a simbologia contida na Bíblia, a partir da Abertura da Palavra. Furacões, maremotos, corrupções políticas, Laodicéia, enfim, o Intérprete nos mostra na Abertura dos Selos.

mat-ternceirapuxada2

Observamos a manifestação do Filho do Homem, a Vinda de Jesus Cristo em 3 cidades diferentes: Prescott, Phoenix e Winslow.

mat-ternceirapuxada3

O RAPTO

William M. Branham

04 de Dezembro de 1965

Yuma – Arizona – U.S.A.

“ 97 – Estamos prontos agora mesmo. A única coisa que resta é que a igreja que saíra, tem que permanecer na presença do sol para madurar. Dentro de pouco tempo passará a grande colhedeira debulhadora. A palha será queimada, porém o grão será levado ao celeiro. Vocês não estão cegos, Vocês não estão cegos, são gente sensível. E se eu estivesse dizendo estas coisas com o fim de prejudicar… Porém digo isto porque é Vida, porque sou responsável ante Deus para dizê-lo. E tenho que dizê-lo. E tenho que dizê-lo! E minha Mensagem…Sabendo todo o tempo desde há muitos anos campanha de cura, etc., tudo era para captar a atenção das pessoas, sabendo que a Mensagem viria. E aqui o temos. E logo a abertura dos Sete Selos – os mistérios – mostrando todas aquelas coisas que haviam acontecido. Eu não sabia isso. Porém há homens aqui esta noite que estavam ali no Tabernáculo quando me ouviram pregar o sermão: “Senhores, que horas são? ” E naquela manhã (no dia 28 de fevereiro de 1963), exatamente onde o Espírito disse que estaria, estavam parados ali sete anjos diretamente do Céu. E quando eles subiram da terra, os levou um torvelinho, e nós ali contemplando se foram para o noroeste. Os cientistas tomaram fotografias através do oeste dos Estados Unidos e também no México”.

mat-ternceirapuxada4

HOJE TEM SE CUMPRIDO ESTA ESCRITURA

William M. Branham

19 de Fevereiro de 1965

Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

“104 – Na revista “Life”, a edição de 17 de maio de 1963, saiu um artigo acerca desta nuvem sobrenatural no qual disseram: “Círculo misterioso de luz no ar sobre Tucson e Phoenix, Arizona”. E isto sucedeu exatamente da maneira que o disse quase um ano antes de suceder. A nuvem saiu como que na forma de um triângulo. Temos a fotografia da nuvem pendurada na igreja. Disseram que estava a uma altura de 27 milhas e tinha 30 milhas de largura; todavia não entendem o que sucedeu. Apareceu misteriosamente e desapareceu de igual maneira. O irmão Fred Sothmann, o irmão Gene Norman e eu estávamos de pé ali como três testemunhas. Como também nosso Senhor levou a Pedro, Tiago e João ao monte como testemunhas. Vimos quando isto sucedeu. Ali estava nos céus, tão alto onde não há umidade nem nada para causar uma nuvem, como podia então estar ali? Foi formada pelos Anjos de Deus regressando depois de haver dado Sua Mensagem. Hoje tem se cumprido esta profecia em nosso meio! ”.

mat-ternceirapuxada5

SHALOM

William M. Branham

12 de janeiro de 1964

Sierra Vista, Arizona, U.S.A.

64 – Mas observou você que antes dos Sete Selos serem revelados, antes da grande e misteriosa Luz se mostrar nos céus aqui em cima de Tucson, Flagstaff, onde estávamos? O irmão Fred, dois dos homens que estavam… os dois homens estavam comigo naquela manhã. Quando, aquilo foi dito meses e meses antes da época, que aconteceria. Ambos, o irmão Fred Sothman e o irmão Gene Norman sentado aqui nesta manhã, quando isto… estavam lá quando houve o estrondo, e não sabiam que estas coisas aconteceriam. E Ele me enviou de volta, disse que o tempo estava à mão para estes Sete Selos os quais guardavam os sete mistérios de toda a Bíblia, foram selados com estes Sete Selos. E como que estes anjos, indo pelo caminho, mensageiros das Eras da Igreja, abriram certa parte daquilo. Mas na sétima hora, o sétimo mensageiro, todos estes mistérios se terminariam. Vêem? O sétimo mensageiro terrestre, vêem, este anjo do qual Ele fala estava então na terra. Um anjo significa “mensageiro”. E então, depois daquilo, ele viu outro Anjo descendo, não o anjo terrestre ao qual foi dada a Mensagem aqui, mas o (outro) Anjo poderoso veio do Céu com um arco-íris sobre Ele, e colocou Seu pé na terra e no mar, e jurou por Aquele que vive para sempre, “Não haverá mais tempo”. Vêem? Mas antes que Ele soltasse aqueles Sete Selos para revela-los, Ele mostrou milagrosamente, Ele mostrou primeiro nos céus. 

65 – Naquele dia eles tiraram fotos através de todo o sul dos Estados Unidos e do México. Isto está colocado lá na Revista Life, continua um mistério para eles. Mas Ele declara isto nos céus antes de fazê-lo na terra. Ele sempre faz isto. Ele mostra Seus sinais nos céus primeiro.

mat-ternceirapuxada6

O SÉTIMO SELO

William M. Branham

24 de Março de 1963

Tabernáculo Branham

Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

266 – Recordam da constelação, da visão dos Anjos, quando eu saí daqui para ir para o Arizona? [A congregação diz, “Amém”] Você recorda de Senhores, É Este O Tempo? [“Amém” – Ed.] Você recorda disto? Observem, houve apenas uma grande explosão do trovão, e sete Anjos apareceram. Está isto correto? [“Amém”] Uma explosão de trovão, sete Anjos apareceram.

E eu vi o Cordeiro quando Ele havia aberto o primeiro selo, e eu ouvi como se fosse voz de trovão, e uma das quatro bestas disse: Vem e vê.

267 – Observe, um trovão, Sete Mensagens que estavam seladas e não podiam ser reveladas até o último dia, desta era. Vêem o que quero dizer? [A congregação diz, “Amém” – Ed.]

268 – Agora, você observou a parte misteriosa desta semana? É isto que é. É isto que tem sido. Não tem sido um ser humano, um — um homem. Foram os Anjos do Senhor. Observe.

269 – Aqui estão assentadas três testemunhas, que uma semana atrás, um pouco mais de uma semana atrás, eu estava lá atrás em cima das montanhas, próximo ao México, com dois irmãos que estão assentados aqui. Tirando cardo, ou carrapicho, da perna da minha calça; e aconteceu uma explosão, parecia que quase ia sacudir as montanhas abaixo. Agora, isso é correto. Eu nunca disse aos meus irmãos, mas eles notaram uma diferença.

270 – E Ele me disse: “Agora esteja pronto. Vá para o leste. Aqui está a interpretação daquela visão. ” Vêem? Agora, fiquem sabendo, que o irmão Sothmann não conseguiu a caça atrás da qual ele foi. Estávamos tentando consegui-la para ele. E Ele disse: “Agora, nesta noite, como um sinal para você, ele não conseguirá isto. Você deve se consagrar neste momento para a visita destes Anjos. ” E eu me senti fora de mim, vocês recordam.

271 – E eu estava no oeste. Os Anjos estavam vindo para o leste. E enquanto Eles passavam, eu fui levantado com Eles, (vocês recordam disto?) vindo para o leste. [A congregação disse, “Amém.” – Ed.]

272 – E o irmão Fred, aqui nesta noite, é uma testemunha, e o irmão Norman. Enquanto descíamos, eu quase persuadi aquele homem para ficar e conseguir a sua caça. É isto correto, irmão Sothmann? [O irmão Fred Sothmann, “Amém” – Ed.] Sim, ali, ele está de pé bem ali. Eu o persuadi; mas, mesmo assim, Ele disse: “Ele não conseguirá.” Eu não disse nada; segui em frente.

273 – Alguma coisa, estávamos ao lado da barraca, no dia que… Você se recorda, irmão Sothmann. E eu, tão logo que certas coisas foram ditas, eu coloquei você e o irmão Norman… Onde está o irmão Norman? Lá atrás. Os coloquei sob juramento, que eles não mencionariam o que estava acontecendo. É isto correto? [Os irmãos dizem: “Amém. Isto é a verdade. ” – Ed.] Não virei eu e saí da barraca, assim? É isto certo? [“Isto é correto.”]

274 – Porque, foi isto que aconteceu, exatamente o que aconteceu, e sabendo que eu não poderia dizer isto até que isso acontecesse, para ver se as pessoas compreenderiam isto.

275 – E você observou? “Que um Anjo, ” eu disse: “ali, estava um Anjo estranho. ” Ele pareceu para mim mais do que o restante Deles. Vocês recordam disto? [A congregação, “Amém” – Ed.] Eles estavam em uma constelação; três a cada lado, e um em cima. E o que estava mais próximo de mim aqui, contando da esquerda para a direita, teria sido o sétimo Anjo. Ele brilhava mais, significava mais para mim do que o restante Deles. Vocês recordam? Eu disse: “Ele tinha o seu tórax para fora, assim, e estava voando para o leste” (vocês se lembram, “assim.” Eu disse: “Ele me apanhou; me levantou. ” Vocês recordam disto? [“Amém”].

mat-ternceirapuxada7

falecom@avozdedeus.org.br

Muitos não Crêem na Terceira Puxada e não crerão

O sistema denominacional possui um ardil demoníaco: a dúvida. Óbvio que a dúvida não anda com a fé, a dúvida anda com o homem. O homem que assume o lugar de Deus é anticristo, não há outra assertiva. Quando o SOM da Mensagem do precursor do Filho do Homem, William Branham, chegou ao Brasil, foi de forma alvissareira e encontrou solo fértil para se desenvolver. 

 

Muitos não Crêem na Terceira Puxada e não crerão

         O sistema denominacional possui um ardil demoníaco: a dúvida. Óbvio que a dúvida não anda com a fé, a dúvida anda com o homem. O homem que assume o lugar de Deus é anticristo, não há outra assertiva. Quando o SOM da Mensagem do precursor do Filho do Homem, William Branham, chegou ao Brasil, foi de forma alvissareira e encontrou solo fértil para se desenvolver. Muitos ministros e irmãos de diferentes lugares creram, todavia, a rapinagem denominacional logo entrou. Usa aquilo, não usa aquilo, “olha, é dessa forma, não, é dessa forma”.  Após quase 4 décadas no Brasil, a Mensagem sofre o ataque de pseudolideres e homens maus que confundem a cabeça do povo com fantasias e mentiras que não é outra coisa senão o diabo. 

         A realidade do Sétimo Anjo –Cristo, Esse a entregar os 7 Selos abertos para o sétimo anjo de Apocalipse 10:7 é uma realidade. William Branham em fins de março de 1963 pregou a abertura dos Selos aos crentes. Agora afirmo, não comporta interpretação dos sabichões e intelectualóides que se fazem maior do que são. Um certo pregador, desses aventureiros, que afirma crer na Abertura da Palavra, disse que não há pastor. Interessante a afirmação do pregador, sendo que ele ama o dízimo que recebe, dízimo é para pastores. “Ah, eu andei com o reverendo Coleman, beijei a mensagem da mão dele. Oh, sim, eu andei com Perry Green, isso me faz diferente, logo, todo mundo é falso, eu verdadeiro”. 

         Algo me fez pensar: JESUS chamou Paulo para que esse problema da legitimidade fosse resolvido. A COLUNA DE FOGO autorizou Paulo a pregar, não Pedro, não Tiago, não o irmão Coleman, saudosa memória. Digo que não conhecemos outro MAIOR que JESUS, afirmo: William Branham foi o precursor do ministério do filho do Homem.   Encontramos muitas LINHAS DOUTRINÁRIAS, que pena, ter linha não é vindicação para ninguém. 

         Eu poderia nominar os pregadores de fantasia e suas maldades que nos fizeram, sim, com direito a responsabilidade civil e criminal, todavia, não cabe a mim ou a qualquer outro a justiça, senão a Deus. Sei quando um homem é falso, sei quando a doutrina que pregam saiu de um fogão de vaidades e personalismos. Sofri muito com homens que me afrontaram, mentiram, vilipendiaram e agrediram o ministério do meu pai e amigo Pastor João Pereira e o meu ministério ao lado dele.  Falei ontem ao pastor João Pereira que não tenho mais vontade de pregar, pois, muita gente que chegou ontem, a usar um jargão popular, já quer sentar ao lado da janela.

         Deus equipa um homem é com dores e angústias. Deus não é instrumento de barganha. Há 12 anos, escrevo nesse SITE, e já são mais de 5.000 cinco mil artigos. Minha decepção com os pregadores postergadores e procrastinadores é imensa. Vejamos onde chegamos…

Pastor Sérgio Ricardo 

falecom@avozdedeus.org.br

3puxada-02

A TERCEIRA PUXADA: A ISCA.

 

A TERCEIRA PUXADA: A ISCA.

4 1 E nesse ponto, o Anjo do Senhor havia me tirado para fora, e me levou a uma corrente de águas cristalinas. Era uma água de azul precioso, e grandes peixes nadavam ali. E Ele medisse: “Eu farei de ti um pescador. ” E Ele disse: “Lança tua isca na água e quando você o fizer, puxe-a devagar a primeira vez, e a próxima vez, dê um pequeno puxão, (não muito forte) e na próxima vez, prepare seu anzol para a pesca. 4 2 E comecei a lançar a linha na água. Puxei, e todo o mundo começou se alegrar e dizer: “Isso é maravilhoso. Isso é maravilhoso. ” Eu me emocionei, e a puxei fortemente na próxima, e eu puxei o peixe e tudo para fora da água. E o que era, era um peixinho pequeníssimo, aproximadamente do tamanho da isca. Embaracei toda a linha e tratava de consertá-la, e o homem que estava falando detrás de mim, parou à minha frente, vestido em roupas palestinas com um turbante sobre a cabeça. Tinha um manto branco. Ele disse: “Irmão Branham, é isso. ” 4 3 Eu disse: “Sei que não o tenho feito bem. ” Eu disse: “Puxei como não devia haver feito. ” 4 4 Ele disse: “Não permita que sua linha se enrole nestes tempos. ”

4 5 Eu disse: “Bom, eu a estou endireitando tanto quanto osso. Serei muito cuidadoso. ” 4 6 Ele disse: “Agora, a primeira vez que falei com você, você colocou suas mãos sobre as pessoas e lhes disse o que andava mal com elas. E na segunda puxada, ora, quando você o fez, você conhecia os segredos de seus corações. E eu te fiz um vidente sobre as pessoas, porém você estava sempre tratando de explicar isso. Você não devia ter feito aquilo. ” Ele disse: “Você fez uma exibição pública disso. ” 4 7 Eu disse: “Sinto muito. ” 4 8 Logo Ele me tomou dali, e eu vi uma grande tenda. Nunca havia visto tal tenda! E estava abarrotada de gente por todos os lados. E eu caminhei ao…. Parecia como se eu estivesse a um nível mais alto que as pessoas, olhando para baixo onde eu acabava de fazer uma chamada de altar; e centenas e centenas de pessoas choravam e se regozijavam, logo depois de haver aceitado ao Senhor Jesus Cristo como seu Salvador. 4 9 E eu olhei e ouvi quando um homem se levantou e disse: “Chame a fila de oração. ” E as pessoas começaram a fazer fila deste lado, à esquerda de onde eu estava olhando para baixo em direção a plataforma, e se alinharam a ambos os lados da rua para a fila de oração. Notei à minha esquerda ( que seria a minha direita se eu estivesse na plataforma ) um pequeno compartimento de madeira. E eu vi aquela Luz, que eles têm a foto dela, vocês sabem, que sempre está nas reuniões; vi que essa Luz me deixava, e ia para o edifício, e entrava nele; e uma Voz me disse: “Te encontrarei ali; essa será a terceira puxada. ”

5 0 Eu perguntei: “Porque? ”

5 1 Ele respondeu: “Bom, não será uma exibição pública como eles tiveram. ” E voltei a mim.

VÉU A DENTRO

W. M. Branham

1º de janeiro de 1956

Tabernáculo Branham

Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

terceira-puxada02

falecom@avozdedeus.org.br