Uma reflexão sobre a Palavra de Deus


alt

Uma reflexão sobre a Palavra de Deus

Prezados leitores,

 

Vez por outra, somos chamados a fazer uma reflexão sobre aquilo que fazemos , falamos, pensamos etc. Escrevemos para milhares de pessoas de maneira aleatória, uma vez que o SITE se expandiu muito no Brasil e fora dele. Fui informado que passamos das 1110  matérias em 5 anos, faremos em fevereiro, um total de 1825 dias. Caso venhamos a dividir a quantidade de dias pela quantidade de mensagens, teremos uma mensagem publicada a cada 1 dia e 6 horas. É certo que não nos pautamos pela quantidade mas pela qualidade do que é colocado nesta página de internet. Escrevi em certo ponto que a Bíblia é inexorável, rígida, contudo, a misericórdia de Deus é infinita, nisso cremos. Esse articulista possui por cautela a experiência que Deus nos dá no dia a dia. Definimos a Doutrina que cremos, sendo ela Bíblica e baseada na Mensagem do profeta. Fomos chamados inúmeras vezes a parar e desistir, com argumentos lógicos e plausíveis, outros movidos pelo ódio, pelo rancor e pela inveja, ainda outros, pelo cansaço, pelo desprezo, pela dor interna que nos dá falar a Verdade que outros troçam. Fato é que não desistimos e continuamos, uma vez que o trabalho, o ministério é do Senhor Jesus Cristo. Os vídeos expõem as convicções de vários e vários pregadores que passaram pelo púlpito do Tabernáculo, alguns a querer desfazer o já feito. Deus nos confiou um segurança que procede Dele unicamente. Ficamos a mercê da crítica como uma vidraça fica exposta à pedras. Inúmeros e incontáveis testemunhos nos chegam e nos chegarão ainda. Sempre que ouço a palavra diálogo vinda de um ministro, alegro-me e penso ser possível conversar como irmãos, há esperança. Nós não criamos trincheiras, não fazemos cercas, ao contrário, nunca ouve um nome de um ministro citado aqui para depreciá-lo, refiro-me a homens sérios. Alguém mais afoito e imprudente logo diz que esse ou aquele artigo é para o ministro fulano de tal. Tolice. Volto a mencionar: A Bíblia é inexorável , todavia, a Misericórdia do Mestre é infinita. Não compete a nós sermos os juízes de quem quer que seja, pregamos o Livro Santo. Queremos tornar mais explícito que somos de carne e sangue, a qualidade de juízes não nos compete ir além dos limites juridicionais que nos pertencem: A igreja local. Nossa proposta é o trabalho, nisso somos prudentes: “Prudência é não querer o que não se pode ter.” Não queremos ir além do que nos é pedido por Deus, pensamos com isso, cumprir a velha máxima de Comte-Sponville:

“O homem prudente é atento, não apenas ao que acontece, mas ao que pode acontecer. A prudência é o que separa a ação do impulso, o herói, do desmiolado”.

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Bookmaker with best odds http://wbetting.co.uk review site.