Vencendo as tribulações

 

É fato que na Terceira Puxada, a rejeição à Palavra é manifesta por aqueles que acompanharam a Mensagem por anos. Vencida a parte que chamavam de ismo, vemos que a Escritura se cumpre com a Fidelidade que lhe é própria.

Vemos os “Eventos esclarecidos pela Profecia” do anjo de Apocalipse 7, William Branham e como de fato, se deturpa e ainda criam problemas os que pensam saber mais que Deus. O profeta diz:

  54 Se esta igreja agora mesmo pudesse ser formada e tecida de tal maneira que toda pessoa estivesse em um só acordo, sem nenhuma sombra de dúvida, então, dentro de cinco minutos não haveria uma só pessoa débil em nosso meio, nem haveria ninguém aqui com o desejo de receber o Espírito Santo que não fosse saciado completamente. Isso é se somente pudessem acertar essa coisa.

A MAIOR BATALHA JAMAIS PELEJADA

William M. Branham

11 de março de 1962

Jeffersonville – Indiana – U.S.A

 

Essa unidade é o que falta nas reuniões onde pessoas duvidam do Poder da própria revelação daquilo que é pregado e escrito nas Mensagens.

Ainda lutamos contra as MENTES privilegiadas de mestres e doutores que usam argumentos de autoridade de tempo, autoridade clerical e se auto afirmam detentores do poder de interpretar. Esquecem que Deus é Seu próprio intérprete. Pastor João Pereira nos tem ensinado sobre o valor e depuração nas horas difíceis. A rejeição que é feita hoje é fruto de predestinação ou falta dela, para que compreendam no coração que o Sétimo Selo é Cristo. Nós não discutimos isso, trata-se de fato inconsteste.

 William Branham cumpriu fielmente o Ministério do Filho do Homem, sendo ele, não o Anjo forte de Apocalipse 10:1, antes o anjo de Apocalipse 10:7. A questão que se levanta é que Cristo não podia pregar os Selos. Era comissão de homens. Isso está em Mateus 28:

   Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

Mateus 28:19

O Anjo forte estava em William Branham pregando os Segredos e mistérios. Hoje este poder do Homem ungido está na Esposa de Cristo. Enfatizo que não SOBRE, mas, NA Esposa de Cristo. Unidade tornou-se uma palavra fundamental. A questão é que a MENTE tem que ser a de CRISTO, não de um grande homem. Essa história do grande pregador, do grande mestre do maior que todos, não existe. O ESPÍRITO SANTO é o MAIOR DE TODOS. ELE usa quem ele quer usar. Ele opera onde ELE quiser operar. Nós, reles humanos, não podemos limitar o PODER DA MENSAGEM com nossos personalismos.  Nós não podemos nos acostumarmos com a MENSAGEM. Há muita etiqueta que limita o Poder de Deus, digo, muitos homens que não querem o Espírito Santo. Unidade, como o profeta ensina acima, é render-se à PALAVRA, logo, dúvidas, enfermidades, angústias, tribulações etc, tudo é vencido pelo Poder de Deus. Debalde pregar o Evangelho com os personalismos. Isso é anular o Poder de Deus. A honra e a Glória, são e sempre serão do Senhor Jesus. Nós precisamos de Deus, Deus precisa de nós. É importante reconhecermos essa reciprocidade com humildade, caso contrário, construiremos uma Torre de Babel, pensando ser da Vontade de Deus.

 

falecom@avozdedeus.org.br

 

- Compartilhe -

- Artigos Recentes -