congo 1

 

Rapazes que Tocam Fitas na República Democrática do Congo

 

congo 2

No outono passado, publicamos uma atualização sobre um grupo de Rapazes que Tocam Fitas entrando despercebidamente em vilarejos em que poucos ousariam se aventurar. Eles estão de volta às selvas da RDC (República Democrática do Congo) e, bem parecido com o que os apóstolos fizeram no primeiro século, eles estão incentivando as igrejas recém-estabelecidas a permanecer firmes na Fé.

Em seu último relato, os irmãos cumpriram uma promessa, viajando ainda mais selva a dentro, tendo reuniões com fitas e fazendo sua parte na Grande Máquina de Deus.

À tarde, partimos para Kibangu em Basuku (Veja a viagem missionária anterior publicada no site da GVD). Em Kibangu, tivemos um culto de fita com a ajuda do irmão Isaac, um jovem irmão que interpretou o irmão Branham do inglês-francês para o kisuku (um dos dialetos locais). Lá nós tocamos a fita “Esteja Certo de Deus, ” traduzida para o lingala.

De lá nós retornamos, de Kibangu para Nzombi, enfrentando a floresta. Viajamos à noite toda para chegarmos de manhã cedo. Quatro horas de motocicleta, dirigindo na escuridão total.

Na quarta-feira, continuamos a transferir os sermões em áudio para os cartões SD dos irmãos. À tarde, nos preparamos para o culto de fita na igreja para ouvir a parte restante do sermão pregado pelo irmão Branham “Tentando Fazer um Serviço Para Deus sem Ser da Vontade de Deus,” 65-0718M, traduzido em lingala.

Na quinta-feira, partimos de Nzombi para Mbamba, a fim de visitar uma família recém-convertida através do ministério das fitas durante nossa última viagem. Fizemos uma parada no vilarejo de Bibamba e passamos a noite lá. Depois de recuperar nossa força, continuamos a viagem para chegar a Mbamba. Desta vez usamos a canoa e nossas motos.

Essas famílias estiveram presentes no culto de fita e receberam livros da Mensagem em nossa primeira visita. É uma família de quatro filhos, um irmão e sua esposa. A mudança na vida deste irmão trouxe um testemunho tão forte, a ponto de um irmão desviado retornar para o Senhor.

Tivemos comunhão em torno da Palavra e os incentivamos a permanecer com esta Mensagem. Também lhes prometemos, se for da vontade de Deus, voltar com um rádio e cartões micro SD em nossa próxima visita.

Nosso desejo e o motivo da nossa viagem até lá foi visitar aquelas almas preciosas que estão tão sedentas desta Mensagem, e incentivá-las, visto serem recém-convertidas. Levamos 30 minutos de canoa no rio, e uma hora de moto usando outra estrada de volta para Nzombi. Fizemos outra parada em Bibambe e Kipemba, onde já tínhamos estabelecido dois companheirismos de fitas e distribuído rádios juntamente com cartões SD durante nossas viagens anteriores.

Bibamba tinha muitos ladrões, mas quando a Voz entrou nesse vilarejo, o chefe tradicional testemunhou que houve uma mudança. Isso realmente afetou muitos jovens, que foram libertos desse tipo de atividade. Uma paz se estabeleceu entre o povo. De lá, voltamos tarde da noite para Nzombi.

Na manhã de sábado, continuamos a copiar sermões em áudio do irmão Branham aos telefones dos irmãos, e aconteceu um testemunho em Nzombi durante nossa refeição da noite. O irmão estava ouvindo a Voz em seu telefone. Ele adormeceu e a fita continuou a tocar, pois ele estava muito cansado. Depois de dormir, ele acordou, enquanto a fita continuava a tocar. Ele verificou a bateria, e o telefone móvel indicava bateria 100% carregada. Ele ficou espantado porque no passado, quando tocava música profana, sua bateria descarregava. Mas ver a voz do profeta tocar por horas sem perder sua carga, foi uma coisa sobrenatural para ele.

Na noite de sábado, tínhamos projetado os filmes Um Abismo Chama Outro Abismo e As Campanhas de Chicago, traduzidos para o lingala. Foi uma exibição ao ar livre, e eles assistiram o filme através da pequena tela do laptop conectado ao megafone de 800 metros, que foi usado como alto-falante.

Para apresentar o Profeta do Século XX, comecei mostrando um breve testemunho em vídeo de T. L. Osborn sobre o irmão Branham, uma vez que muitos no Congo também conhecem esse grande evangelista. Isto foi para cativar a atenção deles para o que viria depois, pois muitos aqui eram membros de igrejas pentecostais, em todos os arredores também. Então eu lhes disse: “Agora vocês vão ver aquele a respeito do qual Tommy Osborn estava falando, e então imediatamente começamos a exibir o vídeo do Profeta do Século XX. Foi o irmão William Marrion Branham que se apresentou a eles, e eles se alegraram com “améns!” No final, todos se levantaram, e que atmosfera! Para alguns foi a primeira vez que viram a fisionomia do profeta do século XX, William Marrion Branham.

Deus os abençoe,

Popaul Bute
Fonte:  file:///C:/Users/Escrit%C3%B3rio/Desktop/Rapazes%20que%20Tocam%20Fitas%20na%20Rep%C3%BAblica%20Democr%C3%A1tica%20do%20Congo.html

Copyright © 2018 Voice Of God Recordings, All Rights Reserved. Privacy Policy

 

- Compartilhe -

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

- Artigos Recentes -