Image

Marrion

Image

Image

Elias

Image

Sétimo anjo

Image

Chamado por Deus

134 – E então por toda a vida eu via isso, via isso se movendo, tinha aquelas visões, como aquelas coisas aconteceriam. Então, um pouco mais tarde, isso continuava me incomodando bastante, e todos me dizendo que isso estava errado. E eu fui para o meu velho lugar onde eu habitualmente orava. E eu… Não importava o quanto eu orava para que aquilo não viesse a mim, vinha de qualquer modo. E assim eu estava simplesmente… eu era – eu era guarda florestal no estado de Indiana. E entrei; havia um homem sentado ali, irmão de meu pianista no – no Tabernáculo. E ele disse: “Billy, você quer ir lá a Madison comigo esta tarde?”Eu disse: “Não posso, tenho que subir à região florestal.”
135 – E eu… simplesmente vinha em volta da casa e tirando meu cinturão. Cinturão do revólver e coisas, e enrolando minhas mangas. Nós morávamos numa casinha de dois cômodos, e eu ia me lavar e me aprontar para minha refeição. E eu tinha me lavado, e simplesmente andando ao lado da casa, debaixo de um – um bordo grande, e em seguida Algo fez: “Vuuum!” E eu simplesmente quase desmaiei. E olhei, e eu sabia que era Aquilo outra vez.

136 – Eu me sentei na escada, e ele pulou para fora de seu carro e correu a mim, disse: “Billy, você está desmaiando?”Eu disse: “Não, senhor.”

Ele disse: “O que você tem, Billy?137 – E eu disse: “Não sei.” Eu disse: “Vá, irmão; está tudo bem. Obrigado.”138 – Minha esposa veio e trouxe uma jarra de água, ela disse: “Querido, qual o problema?”Eu disse: “Nada, querida.”
139 – Então ela disse: “Venha agora, o jantar está pronto,” e ela pôs seu braço em volta de mim, tentou me trazer para dentro.140 – E eu disse: “Querida, eu – eu quero dizer algo a você.” Eu disse: “Ligue para eles e diga que eu não vou lá esta tarde.” Eu disse: “Meda, querida,” eu disse: “sei em meu coração que eu amo a Jesus Cristo. Sei que passei da morte para a Vida. Mas não quero que o diabo tenha nada a ver comigo.” E eu disse: “Não posso continuar assim, sou um prisioneiro.” Eu disse: “Todo o tempo, quando estas coisas continuam acontecendo, e coisas assim, e estas visões vindo, e assim por diante, ou seja o que for,” eu disse… “isso acontece comigo.” (Eu não sabia que era uma visão, eu não chamava isso uma visão.) Eu disse: “Como aqueles transes,” eu disse: “eu não sei o que é isso. E, querida, eu – eu – eu – eu não quero mexer com isso; eles – eles me dizem que é o diabo. E eu amo ao Senhor Jesus.”
141 – “Oh,” ela disse: “Billy, você não deve escutar o que as pessoas dizem a você.”142 – Eu disse: “Mas, querida, veja outros pregadores.” Eu disse: “Eu – eu não quero isto.” Eu disse: “Eu vou para meu lugar no bosque. Tenho cerca de quinze dólares, cuide de Billy.” Billy era um menininho naquele tempo, pequenininho. Eu disse: “Você – você cuide… Isso é bastante para você e Billy viverem algum tempo. Telefone para eles e diga-lhes que eu – eu talvez volte amanhã, e talvez eu nunca volte. Se eu não voltar dentro dos próximos cinco dias, que ponham um homem em meu lugar.” E eu disse: “Meda, nunca sairei daquele bosque até que Deus me prometa que Ele tirará aquela coisa de mim e nunca deixará aquilo acontecer de novo.” Pense a que ignorância um homem pode chegar!143 – Subi para lá aquela noite e voltei ao chão da velha cabana pequena. Era o dia seguinte, era meio tarde, eu ia subir ao meu acampamento no dia seguinte, lá em cima na – mais adiante no outro lado da montanha, ou melhor, da colina, e ia subir ao bosque lá. Não creio que o F.B.I. poderia me encontrar lá em cima. Então esta velha cabana pequena… Eu estive orando toda aquela tarde e antes de ficar muito escuro. Eu orava, estava lendo lá na Bíblia onde dizia: “O Espírito dos profetas está sujeito ao profeta.” Eu não podia entender aquilo. Assim ficou muito escuro na velha pequena cabana onde eu costumava colocar armadilhas quando eu era garoto, eu tinha uma linha de armadilhas por ali e subia lá e, pescava e ficava toda a noite.144 – Simplesmente uma velha cabana pequena e arruinada lá, tinha estado lá há anos. Algum morador pode que a tenha tido antes que se tornasse aquilo.
145 – E então eu – eu simplesmente estava esperando lá. Eu pensei: “Bom.” Foi aproximando a uma hora, duas horas, três horas da manhã, eu estava andando para lá e para cá no chão, andando de um lado para outro. Eu me sentei num velho banquinho lá, um pequeno – não banco, uma pequena velha caixa de alguma coisa. E me assentei lá, e pensei: “Ó Deus, porque fazes isto comigo?” Eu disse: “Pai, Tu sabes que eu Te amo. Tu sabes que eu Te amo! E eu – eu – eu não quero ser possuído pelo diabo. Não quero que essas coisas aconteçam comigo. Por favor, Deus, não deixe que isso aconteça mais.”
146 – Eu disse: “Eu – eu Te amo. Não quero ir para o inferno. Que proveito há em eu pregar, e tentar, me esforçar, se eu estou errado? E não estou levando somente a mim mesmo ao inferno; estou desencaminhando milhares de outros.” Ou centenas de outros, naqueles dias. E eu disse… Eu tinha um grande ministério. E eu disse: “Ora, eu – eu nunca mais quero que isso aconteça a mim outra vez.”147 – E eu me assentei naquele banquinho. E eu simplesmente sentado, oh, mais ou menos nesta posição, exatamente assim. E, de repente, eu vi uma Luz oscilar no quarto. E pensei que alguém estivesse subindo com uma lanterna. E olhei ao redor, e pensei: “Bem…” E aqui estava Ela, bem em frente a mim. E velhas tábuas de madeira no chão, e ali Ela estava, bem na minha frente. E um pequeno e velho fogão redondo no canto; a parte de cima estava arrancada. E – e bem aqui havia uma – uma Luz no chão, e pensei: “Bem, onde está isso? Bem, isso não poderia estar vindo…”
148 – Olhei ao redor. E Ela estava por cima de mim, esta mesma Luz, e em cima de mim, pairada bem assim. Movendo-Se em círculos como um fogo, Ela tinha uma côr como que de esmeralda, fazendo: “Vuuum, vuuum, vuuum!” assim, bem em cima desse jeito. E olhei para Aquilo, e pensei: “O que é Isso?” Agora, Aquilo me assustou.149 – E ouvi alguém chegando [O Irmão Branham imita alguém andando-Editor], simplesmente andando, só que estava descalço. E vi o pé de um Homem entrar. Estava escuro no quarto, exceto onde aquilo estava brilhando para baixo. E vi o pé de um Homem entrando. E quando Ele entrou no quarto, se aproximou, Ele era um Homem de mais ou menos… parecia que pesava mais ou menos duzentas libras [Cerca de noventa e um quilos-Tradutor]. Ele tinha as mãos cruzadas deste jeito. Agora, eu O tinha visto num Redemoinho. Eu O tinha ouvido falar comigo, e O vi na forma de uma Luz, mas foi a primeira vez que eu vi a imagem Disso. Aproximou-Se de mim, bem perto.150 – Bem, honestamente amigos, eu – eu pensei que meu coração iria falhar. Eu… Simplesmente imagine! Ponha-se a si mesmo aí. Isto te faria sentir da mesma maneira. Talvez você esteja mais adiante no caminho que eu, talvez seja um cristão por mais tempo, mas Isso faria você se sentir assim. ‘Porque depois de centenas e centenas de vezes de visitas, isto me paralisa quando Ele Se aproxima. Algumas vezes até me faz… Eu quase desmaio completamente, fico tão fraco quando saio da plataforma muitas vezes. Se eu fico muito tempo, desmaio completamente. Pedi para que passeassem comigo por ali por horas, eu nem sequer sabia onde eu estava. E eu não posso explicar isso. Leia aqui na Bíblia; e Ela explicará Isso, o que é. Assim dizem as Escrituras.151 – Então eu estava assentado lá e olhando para Ele. Eu – eu tinha minha mão levantada desse jeito. Ele estava olhando diretamente para mim, tão agradável. Mas Ele tinha uma Voz muito profunda, e Ele disse: “Não temas; eu sou enviado da Presença do Deus Todo-Poderoso.” E quando Ele falou, aquela Voz, aquela era a mesma Voz que falou comigo quando eu tinha dois anos de idade, até agora. Eu sabia que era Ele. E pensei: “Agora…”

152 – E ouça isto. Agora escute a conversa. Eu a tenho contado da melhor maneira que posso, conscientemente, porque palavra por palavra, dificilmente lembraria.153 – E Ele… eu disse… Olhei para Ele assim. Ele disse: “Não temas,” bem quieto, disse: “Eu sou enviado da Presença do Deus Todo-Poderoso, para dizer a você que o seu nascimento peculiar…” Como vocês sabem como foi o meu nascimento lá em cima. Aquela mesma Luz pairou sobre mim quando nasci. E assim Ele disse: “Seu nascimento peculiar e vida mal entendida têm sido para indicar que é para você ir a todo o mundo e orar pelos enfermos.” E disse: “E indiferente ao que eles têm…” E ele designou (Deus, Que é meu Juiz, sabe) que, Ele designou “câncer.” Disse: “Nada… Se você conseguir fazer com que o povo creia em você, e for sincero quando orar, nada ficará diante das suas orações, nem sequer o câncer.” (Vêem?) “Se você fizer com que o povo creia em você.”

Como o Anjo veio a mim e a Sua Comissão

Marrion

by Thomas Nunn

"Marrion" means bitter, or a man of sorrows. Testimony to the hard trials he endured for his God. This name has a value of 340. The factors of which are 2x2x5x17. 17 shows up again in the middle name. Factored as 20×17 we see 20 as the number of hope vindicated.

In appearance, 340 is 34 followed by a zero. 34 is 2×17 or Christ vindicated followed by a zero which always represents the seed foreknown in the mind of God. 

We say this number as 300-and-40. 300 is completion of the elect [i.e. 3×100], 6×50 is the jubilee of man, or 12×25 which signifies God's government and grace magnified. So 300 speaks of the body of Christ in its state of heavenly perfection. Plus 40 which is trail and probation. So 340 speaks of the trials and troubles sent to prove and bring the elect to perfection as indicated by the meaning of Marrion [bitterness].

Tradução

Pastor Sérgio Ricardo

Marrion

"Marrion" significa amargo, ou um homem de dores. Testemunho para um árduo julgamento que ele suportaria para com Deus. O nome tem um valor de 340. Os fatores são 2x2x5x17. 17 mostra-se novamente no nome do meio. Fatorado como 20×17 vemos 20 como o número de esperança vindicada.


Na aparência, 340 é 34 seguido por um zero. 34 é 2×17 ou Cristo vindicado seguido por um zero, que sempre representa a semente da presciência na mente de Deus.

Nós dizemos este número como 300 e 40. 300 é a conclusão do eleito [i.e. 3×100], 6×50 é o jubileu do homem, ou 12×25 que significa o governo de Deus e graça ampliada. 300 então fala do corpo de Cristo, no seu estado de perfeição celestial. Acrescido de 40 que é luta e provação. 340 então fala das provas e problemas enviado para revelar e levar o eleito  à  perfeição, como indicado pelo significado de Marrion [amargura].

Image

Ele manifestou o Filho do Homem

falecom@avozdedeus.org.br

 

 

- Compartilhe -

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

- Artigos Recentes -