Image

PSALMUS 109

1 Magistro chori. David. PSALMUS.
Deus laudis meae, ne tacueris,
2 quia os peccatoris et os dolosi super me apertum est.
Locuti sunt adversum me lingua dolosa
3 et sermonibus odii circumdederunt me
et expugnaverunt me gratis.
4 Pro dilectione mea adversabantur mihi;
ego autem orabam.
5 Et posuerunt adversum me mala pro bonis
et odium pro dilectione mea.
6 Constitue super eum peccatorem,
et adversarius stet a dextris eius.
7
Cum iudicatur, exeat condemnatus,
et oratio eius fiat in peccatum.
8
Fiant dies eius pauci,
et ministerium eius accipiat alter
.
9 Fiant filii eius orphani,
et uxor eius vidua.
10 Instabiles vagentur filii eius et mendicent
et eiciantur de ruinis suis. –
11 Scrutetur fenerator omnem substantiam eius,
et diripiant alieni labores eius.
12 Non sit qui praebeat illi misericordiam,
nec sit qui misereatur pupillis eius.
13 Fiant nati eius in interitum,
in generatione una deleatur nomen eorum.
14
In memoriam redeat iniquitas patrum eius in conspectu Domini,
et peccatum matris eius non deleatur.
15 Fiant contra Dominum semper,
et disperdat de terra memoriam eorum.
16 Pro eo quod non est recordatus facere misericordiam
et persecutus est hominem inopem et mendicum
et compunctum corde, ut mortificaret.
17
Et dilexit maledictionem: et veniat ei;
et noluit benedictionem: et elongetur ab eo.
18 Et induit maledictionem sicut vestimentum:
et intret sicut aqua in interiora eius,
et sicut oleum in ossa eius.
19
Fiat ei sicut indumentum, quo operitur,
et sicut zona, qua semper praecingitur.
20 Haec retributio eorum, qui adversantur mihi apud Dominum,
et qui loquuntur mala adversus animam meam.
21 Et tu, Domine, Domine, fac mecum propter nomen tuum,
quia suavis est misericordia tua;
libera me, 
22 quia egenus et pauper ego sum,
et cor meum vulneratum est intra me.
23 Sicut umbra, cum declinat, pertransii,
excussus sum sicut locustae.
24 Genua mea infirmata sunt ieiunio,
et caro mea contabuit absque oleo.
25 Et ego factus sum opprobrium illis:
viderunt me et moverunt capita sua.
26 Adiuva me, Domine Deus meus,
salvum me fac secundum misericordiam tuam.
27 Et sciant quia manus tua haec:
tu, Domine, hoc fecisti.
28 Maledicant illi, et tu benedicas;
qui insurgunt in me, confundantur,
servus autem tuus laetabitur.
29 Induantur, qui detrahunt mihi, pudore
et operiantur sicut diploide confusione sua.
30 Confitebor Domino nimis in ore meo
et in medio multorum laudabo eum,
31 quia astitit a dextris pauperis,
ut salvam faceret a iudicantibus animam eius.
   

Quero começar este artigo justificando o fato de recorrer a grande edição da Bíblia traduzida por São Jerônimo conhecida como Vulgata. O salmo 109 na edição Católica é o Salmo 110, em nossa versão é conhecido pelo número 109 e é um Salmo escrito por Davi. Gostaria que você o Lê-se em português, antes de prosseguir-mos. A maioria dos grandes estudiosos foge apressadamente de comentar este Salmo, pois há algo indecifrável nele aos olhos humanos. Vamos a ele em português:

SALMOS 109

1         O Deus do meu louvor, não te cales,

2         Pois a boca do ímpio e a boca do enganador estão abertas contra mim. Têm falado contra mim com uma língua mentirosa.

3          Eles me cercaram com palavras odiosas, e pelejaram contra mim sem causa.

4           Em recompensa do meu amor são meus adversários; mas eu faço oração.

5         E me deram mal pelo bem, e ódio pelo meu amor.

6         Pöe sobre ele um ímpio, e Satanás esteja à sua direita.

7         Quando for julgado, saia condenado; e a sua oraçäo se lhe torne em pecado.

8         Sejam poucos os seus dias, e outro tome o seu ofício.

9         Sejam órfãos os seus filhos, e viúva sua mulher.

10     Sejam vagabundos e pedintes os seus filhos, e busquem pão fora dos seus lugares desolados.

11     Lance o credor mão de tudo quanto tenha, e despojem os estranhos o seu trabalho.

12  Não haja ninguém que se compadeça dele, nem haja quem favoreça os seus órfãos.

13      Desapareça a sua posteridade, o seu nome seja apagado na seguinte geração.

14     Esteja na memória do SENHOR a iniqüidade de seus pais, e não se apague o pecado de sua mãe.

15       Antes estejam sempre perante o SENHOR, para que faça desaparecer a sua memória da terra.

16       Porquanto não se lembrou de fazer misericórdia; antes perseguiu ao homem aflito e ao necessitado, para que pudesse até matar o quebrantado de coração.

17       Visto que amou a maldição, ela lhe sobrevenha, e assim como não desejou a bênçäo, ela se afaste dele.

18       Assim como se vestiu de maldiçäo, como sua roupa, assim penetre ela nas suas entranhas, como água, e em seus ossos como azeite.

19       Seja para ele como a roupa que o cobre, e como cinto que o cinja sempre.

20       Seja este o galardäo dos meus contrários, da parte do SENHOR, e dos que falam mal contra a minha alma.

21       Mas tu, ó DEUS o Senhor, trata comigo por amor do teu nome, porque a tua misericórdia é boa, livra-me,

22       Pois estou aflito e necessitado, e o meu coração está ferido dentro de mim.

23       Vou-me como a sombra que declina; sou sacudido como o gafanhoto.

24       De jejuar estäo enfraquecidos os meus joelhos, e a minha carne emagrece.

25       E ainda lhes sou opróbrio; quando me contemplam, movem as cabeças.

26       Ajuda-me, ó SENHOR meu Deus, salva-me segundo a tua misericórdia.

27       Para que saibam que esta é a tua mäo, e que tu, SENHOR, o fizeste.

28       Amaldiçoem eles, mas abençoa tu; quando se levantarem fiquem confundidos; e alegre-se o teu servo.

29       Vistam-se os meus adversários de vergonha, e cubram-se com a sua própria confusäo como com uma capa.  

30       Louvarei grandemente ao SENHOR com a minha boca; louvá-lo-ei entre a multidäo.

31  Pois se porá à direita do pobre, para o livrar dos que condenam a sua alma. 

A grande questão é que os Salmos nos soam como um refrigério em sua totalidade, no entanto este é uma das exceções. Dois personagens se sobressaem em detalhes de suas características emocionais e temperamentais: Davi e Paulo. No caso de Davi um homem aparentemente cheio de contradições do ponto de vista humano, perseguido por ser um escolhido por Deus de maneira predestinada Atos 13: 22. O tempo de da Era de Laodicéia terminou em 1956, o que restou é um sistema podre que reúne o nicolaismo, jebabelismo, balaanismo e o seu grande representante o denominacionalismo. Façamos uma análise do Salmo 109 sob a Luz da Terceira Puxada. Falamos em artigos anteriores que desde o principio há somente DOIS espíritos: UM QUE PERSEGUE e outro é PERSEGUIDO. Parece um modelo maniqueísta e é mesmo.  Desde Abel e Caim até Paulo e Alexandre Latoeiro para permanecermos na Bíblia, vemos estes dois espíritos, Cristo e o Anti-Cristo.   Ao longo das Eras, o cristianismo tornou-se o sistema político e ideológico que foi assimilado gradativamente pelos meios religiosos. Quando um grupo se separa de um sistema, geralmente acontece de levar um pouco do sistema em si, é como um vírus e basta um para todo o corpo adoecer novamente. Quando aceitamos o profeta não foi para rejeitarmos a trindade e abraçarmos o lava-pés e a Santa Ceia correta, somente. A mensagem do Sétimo Anjo é totalmente sobrenatural, longe do pseudo-pietismo religioso, o Mahatma Ghandi fez melhor que muitos de nós. O Anjo Forte de Apocalipse 10:1 REVELOU TODOS OS MISTÉRIOS, OUÇAM: TODOS OS MISTÉRIOS DE DEUS A SUA NOIVA.  

Image 

PROTELAÇÃO:

Quando Paulo foi alcançado pela Graça e Misericórdia, sendo ele o primeiro expoente da Terceira Puxada, poderia ele sendo um dos maiores conhecedores da Lei e dos Manuscritos, ficar na dependência de Jerusalém esperando ordens para pregar, obtendo um cartão de companheirismo. Os líderes de hoje chamam de ismo a Terceira Puxada, chamam de falsos os pregadores que crêem na mesma, Paulo também foi chamado assim. Quero fazer uma análise aqui: Em meu artigo intitulado Cisma/Rasgão falei sobre uma divisão entre os pastores, já tivemos muitas neste país, no entanto, agora não se trata de problema de moralina (Moral?), falamos de doutrina. Alguns preferem afirmar que adultério é melhor que a doutrina que pregamos. Não pense que esqueci o tema central deste artigo O SALMO 109. Deus nos tem avisado e o tempo em que vivemos já não é nosso. Não faltam dois minutos para a meia-noite ou algo, o tempo já não é mais. A grande responsabilidade colocada sobre os ombros dos pastores do Brasil tem sido protelada, não querem abandonar a Era de Laodicéia e os seus sistemas arcaicos e mortos. Há uma Escritura na parede, um aviso tem sido dado para que os crentes aceitem a Verdade de Deus, a sandice tem tomado conta das mentes e o que era para ser uma perda total tem se tornado em Show público, uma potência humana. Todos querem ser os Timóteos, todos querem o domínio a primazia.

QUEM LÊ A TERCEIRA PUXADA?

 

Image  

Por anos achávamos que o choro de Orfa era para ficar em seu mundo denominacional, há muito de verdade, só que um resquício ficou entre os crentes que se dizem crentes da Mensagem. Quando A Terceira Puxada se apresenta, choram e se despendem amando os sistemas denominacionais ”melhorados”, remendo novo em pano velho. O Salmo 109 era muito frequentemente usado pelos Judeus para expulsar um anátema da Sinagoga. Observe apenas um detalhe: …OUTRO TOME O SEU OFÍCIO. Recorri à versão em Latim para entender esta afirmação difícil e lá encontramos o termo MINISTERIUM. Sei do preconceito que há entre muitos pastores que preferem que o povo permaneça ignorante e não estude, pois é fácil de controlar, tática tão antiga. O POVO NÃO É MASSA DE MANOBRA SENHORES. Estamos cansados da moeda que tem só um lado e das contradições que respingam sobre igrejas, quando Deus nos chama para Sua Palavra não sejamos como Orfa e sob desculpas e arranjos forjando um pietismo religioso abracemos o “velho e bom sistema de Laodicéia”.

Image

Ainda há tempo? 

falecom@avozdedeus.org.br

 

 

- Compartilhe -

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

- Artigos Recentes -